kut

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010

Com falhas grotescas, Sete perde para o Itaporã


O Sete de Setembro bem que tentou, mas desfalcado, não conseguiu segurar o Itaporã neste sábado no Estádio Chavinha pela terceira rodada do Campeonato Estadual. A vitória por 2 a 0 do time da Cidade do Peixe foi construída com gols de Jô e Léo, ambos no segundo tempo. O resultado deixa o Itaporã na segunda posição do Grupo A com seis pontos em três jogos. O Sete, com o mesmo número de partidas, tem três pontos.

O Jogo

Melhor distribuído em campo, o Itaporã começou o jogo dando a impressão de que não teria dificuldades em chegar perto do gol de Aylton. Logo aos três minutos, o lateral Jô arriscou de fora da área em um lance parecido com o que fará o gol no segundo tempo, mas nesta primeira tentativa, o goleiro do Sete fez uma bela defesa. Depois disso, o Furacão Douradense começou a acertar a marcação e os espaços para o time da casa atacar acabaram. Tanto que Aylton voltou a trabalhar apenas aos 18 minutos em uma cobrança de falta de Telson.

Aos 26 minutos, a melhor chance do Sete no primeiro tempo. Luis Fernando cobrou falta na área e, no rebote da defesa, André Luis, que havia sido puxado pelo zagueiro no momento do cruzamento, ainda desequilibrado, chutou por cima do gol com o goleiro Diego batido.

O Itaporã voltou a ameaçar com o atacante Aguiar aos 40 minutos, mas no final da primeira etapa quem esteve mais perto de abrir o marcador foi o time de Dourados em três lances consecutivos, com Thiagão, André Luís e Toto.

No segundo tempo, o técnico Luiz da Matta voltou com Nelson no lugar do estreante André Luís mas o time, cansado com a marcação perto da perfeição no primeiro tempo, não conseguir render o mesmo. Percebendo isso, o Itaporã parte para o ataque e faz o primeiro gol logo aos seis minutos. Jô, com liberdade pela esquerda, repete o chute do início do primeiro tempo e, desta vez, surpreende Aylton. O gol animou o time da casa que chegou mais uma vez cinco minutos depois com Oliveira que chutou cruzado para fora.

O Sete só levava perigo ao gol adversário nos contra-ataques, mas pecava na finalização. De tanto insistir, quase empatou no finalzinho. Escanteio pela esquerda cobrado por Christian que Toto cabeceou longe do goleiro Diego, mas Márcio, em cima da linha, conseguiu evitar o empate. Na sequencia da jogada, Leandrinho foi derrubado na entrada da área do Sete por Luis Fernando, expulso no lance. Na cobrança da falta, Aylton rebateu nos pés de Oliveira que chutou em cima do goleiro, a bola bateu no travessão e, na sobra, Léo ganhou da zaga e fechou o placar.

Sem lamentações

Depois do jogo, em vez de lamentar o resultado, o pensamento do técnico Luizão já estava nos próximos adversários e na busca dos pontos perdidos nos dois últimos jogos. “Precisamos somar pontos e, para isso, talvez até repense o nosso esquema tático. Temos uma semana para trabalhar até o próximo jogo e montar o time”, afirmou. Nesta partida, voltam Deyvison, Eduardo Gaúcho, Beto Miranda e Thiaguinho, que cumpriram suspensão automática.

O Sete de Setembro volta à campo no próximo sábado contra o Pantanal, provavelmente em Itaporã, já que o Douradão continua interditado. O Itaporã joga contra o Naviraiense na quarta-feira de cinzas no Estádio Virotão, às 16h.

Fonte: Gazeta MS

0 comentários:

Facebook

Anunciantes

Anunciantes

Panos da TMI

Panos da TMI

bones

bones

Link-me

120x60 px

Torcida Organizada Máfia Independente - TMI | Template by - Josué de Brito Quadros - 2009 - - hidden hit counter