kut

quarta-feira, 9 de outubro de 2013

Coluna Trave Vale Quatro - O Novo Estadual

Tudo definido para o próximo Campeonato Estadual de Mato Grosso do Sul. Clubes e Federação se reuniram nesta terça-feira e acertaram os ponteiros para um campeonato que deve ser o mais curto de todos tempos. Por causa da Copa do Mundo, a CBF disponibilizou apenas três meses para as disputas regionais e, por aqui, duas semanas foram suprimidas para que a TV possa transmitir as decisões de outros estaduais mais concorridos. Tudo isso está sacramentado e não muda mais.
Talvez todos que gostam e acompanham o futebol sul-mato-grossense não imaginavam como seriamos prejudicados pela Copa do Mundo no Brasil. Por aqui não vai passar nem uma bola perdida e fomos atingidos em cheio com o ônus da competição, sendo obrigados a ter o campeonato encurtado em um mês, depois em mais quinze dias à pedido da TV. Resumindo, a grande maioria dos times da primeira divisão joga apenas dois meses e meio em 2014 e volta a hibernar. Por mais que planos para seletiva da Copa Verde esteja nos planos, infelizmente não será uma disputa que chame a atenção de clubes e principalmente do torcedor.
Até aceito a desculpa de que era o que dava para o tempo disponível e ficou bom também para clubes de menor poder financeiro, o que facilitou a aceitação no Arbitral, mas se a intenção é trazer de volta o torcedor estadual para os estádios, tão pouco tempo e jogos acaba sendo um tiro no pé. Sem contar que esse regulamento deve ser utilizado no próximo ano, e é aí que pode estar o problema.
Outra dúvida, essa já para 2014. Serão sete rodadas, ou seja, uma equipe faz três jogos em casa e quatro fora ou vice-versa. Como isso vai ser definidos? Quem vai jogar mais em casa e quem vai jogar mais fora? O Sete de Dourados pode levar vantagem se jogar as quatro fora de casa já que no Estádio Douradão quase não ganha mesmo.
Poucos jogos que valem muito
Na primeira fase, os 14 participantes serão (como sempre) divididos em dois grupos. Os representantes de uma chave enfrentam os times da outra chave em turno único. Assim, serão apenas sete jogos para se conhecer os quatro classificados de cada lado e os seis que vão lutar contra o infortúnio do rebaixamento em um já chamado de torneio da morte. Bola fora: Já que integrantes de um grupo enfrentam o oposto, porque não misturar as chaves, de acordo com um ranking das últimas temporadas. O Ranking Gazeta MS de Clubes está aí para isso também. Digamos que o Ubiratan suba para a Série A. Ficando no mesmo grupo que o Sete, o derby local pode não acontecer a não ser que os dois se classifiquem ou fiquem na zona de rebaixamento. A composição dos grupos poderia ser repensada para 2015, já que o regulamento não muda.
Talvez aí esteja o primeiro pepino a ser descascado para a próxima temporada, já que, de acordo com o Estatuto do Torcedor, esse regulamento deve ser repetido pelo menos uma vez. Com 12 clubes, os grupos terão seis, classificam quatro e sobram dois. Como vai ser disputado esse grupo da morte se o regulamento não pode ser mudado? Os clubes vão jogar apenas seis jogos em 2015 para evitar o rebaixamento? Começou mal, bau bau chances de seguir na primeira divisão.
Para matar a saudade
Na segunda fase, com os grupos reduzidos a quatro times, voltam os confrontos dentro da chave em turno e returno. Serão seis rodadas para se definir os dois melhores de cada lado para um quadrangular final nos mesmos moldes. Assim, nos próximos dois anos, não teremos semifinal e final. O melhor colocado neste quadrangular fica com a taça e fim de papo. Como tudo tem um lado bom, o formato deve premiar a equipe mais regular em todo a competição, até porque não haverá tempo para se recuperar de oscilações, nem com um caminhão de contratados de última hora e troca de técnico.
Quem, quando e onde
Resta agora esperar a confecção da tabela, afinal, desta vez uma nova precisa mesmo ser feita. E se preparar para dois meses e meio intensos e depois o resto do ano para contar histórias para distrair a bola parada. Que 2016 chegue logo, com um campeonato de apenas dez clubes, todos contra todos em turno e returno com os quatro melhores fazendo semifinal e depois final.
Definições na segundona
Costa Rica ou Campo Grande de um lado e Ubiratan ou Operário de outro. A Série B já está na fase final e neste fim de semana começa a disputa entre os prováveis classificados - Coxim e Guaicurus dependem de uma sequência improvável de resultados.
A disputa entre o Operário e Ubiratan promete. A volta dos dois tradicionais clubes era esperada e agora apenas um retorna nesta temporada para a Série A. Para o que subir, ótimo. Tomara que o time que ficar siga se organizando para mais uma segundona no ano que vem porque os dois fazem muita falta ao nosso futebol.
O primeiro jogo entre eles acontece neste domingo, às 15h, no Estádio Morenão. Que a torcida do Operário dê sinal de vida e faça valer a pena o esforço da diretoria, comissão técnica e jogadores para o clube estar na disputa.
Mercado
Por falar nisso, começou a caça de jogadores para o próximo ano e muitos do que estão disputando a Série B estão sendo procurados, o que tem gerado reclamação de alguns, para mim sem razão nenhuma. Querem o que? Se o jogador é bom, claro que vai ser procurado e tem mais: É apenas para a Série A do próximo ano, não para agora. Clube nem sabe se vai ou não subir e quer fazer biquinho? Se subir cubra a oferta e mantenha o jogador, ora. Simples e fácil. Precisam aprender que futebol não é fácil, é profissional e quem pode mais, chora menos. É só correr atrás...
Quer cornetar?
Dê sua opinião sobre o assunto também usando o facebook aí embaixo. Ou ainda entre em contato com a gente se quiser.
E-mail: rogeriovidmantas@uol.com.br
Twitter: @rogeriovid
Facebook: Rogério Vidmantas

*Jornalista, cronista esportivo, integrante da Equipe de Esportes da Grande FM de Dourados e do site Gazeta MS. Joguei muita rebatida por isso o nome da coluna e, claro, amante do bom e velho rock'n'roll.



Fonte: GazetaMS por Rogério Vidmantas

0 comentários:

Facebook

Anunciantes

Anunciantes

Panos da TMI

Panos da TMI

bones

bones

Link-me

120x60 px

Torcida Organizada Máfia Independente - TMI | Template by - Josué de Brito Quadros - 2009 - - hidden hit counter