kut

segunda-feira, 20 de janeiro de 2014

Ubiratan e Sete empatam no primeiro derby douradense

O primeiro jogo entre Ubiratan e Sete de Dourados aconteceu neste domingo no Estádio Douradão e as duas torcidas puderam festejar. Equilibrado, o confronto terminou 1 a 1, com gols apenas no segundo tempo e com a cordialidade reinando entre os torcedores. Com o resultado, os dois times somaram o primeiro ponto, mas ficam em desvantagem em relação ao Naviraiense e Águia Negra que venceram seus jogos na casa dos adversários e lideram o Grupo B.
Os dois técnicos tiveram problemas para montar seus times. Reinaldo Alexandre perdeu o lateral Jô, cumprindo suspensão imposta ainda em 2013, e mandou Wesley, formado na base, para o seu lugar. Já Douglas Ricardo não contou com o volante Kim, contundido, e o goleiro Ricardo, com problemas na documentação. No gol, Wellington, formado na base do adversário, fez sua estréia no futebol profissional.
A igualdade que terminou a partida começou a aparecer já no início, com as ações concentradas no meio e pouca ameaça aos dois goleiros. Aos 15, o Ubiratan tentou, mas o arremate de Mutuca, já dentro da área, passou longe do gol de Diego. A resposta foi imediata e no minuto seguinte, Bill fez jogada pela esquerda e cruzou, mas João Leonardo chegou atrasado para concluir. O Ubiratan ficou muito perto do gol aos 29 minutos, após jogada pela direita de Alex Cruz, o jogador mais lúcido do Leão da Fronteira. O Atacante cruzou e Rincon, por trás do zagueiro, subiu para cabecear com perigo, mas para fora.
O Leão ainda chegou nas bolas paradas. Na primeira, aos 35, nova jogada de Alex, mas a zaga cortou o cruzamento. No escanteio, o zagueiro Rodrigo ganhou dos adversários, mas cabeceou sem direção. No último lance do primeiro tempo, Altino cobrou falta, Fábio Lima se antecipou à saída de Diego, mas cabeceou por cima do gol vazio.
Na volta, Douglas colocou Wesley Santana no lugar do meia Diego e adiantou Léo para jogar na posição, o que deu maios mobilidade ao time. A primeira chance foi justamente com ele aos 15 minutos cobrando falta, mas Diego, antigo companheiro de Itaporã, defendeu sem problema. O placar saiu do zero aos 23 minutos e, apesar do maior volume de jogo do Leão, quem marcou foi o Sete. Angstron cobrou falta pela esquerda e a zaga afastou mal. A bola sobrou para João Leonardo, de primeira, bater sem chances para Wellington, levantando os torcedores do Sete na área de visitantes.
Após o gol, o jogo ganhou movimentação, com o Ubiratan pressionando e o Sete explorando os contra-ataques. Aos 30, Joel arriscou da entrada da área e aos 32 Ferreirinha fez o mesmo, mas os dois chutes tiveream o mesmo destino, a linha de fundo. Mas três minutos depois, o ataque do Leão acertou o alvo. Após jogada confusa no meio, Ferreirinha recebeu sem marcação na área e bateu na saída de Diego para igualar o placar.
Depois duas chances desperdiçadas de cada lado. O Sete chegou perto com Patrick aos 40, mas demorou para concluir e foi desarmado, e aos 42 com Alex, mas após dois dribles, tentou um terceiro quando poderia bater para o gol e perdeu a bola. Do outro lado, Alex Cruz teve duas chances para desempatar, aos 45 e 47, em ambas, parou no goleiro Diego, bem colocado, responsável direto pelo placar final.
O resultado obriga o Ubiratan a buscar a primeira vitória fora de casa, justamente contra o Naviraiense, líder da chave, no próximo domingo (26). Já o Sete folga na segunda rodada e volta a campo no dia 29, também no Douradão, contra o Águia Negra.
Fonte: GazetaMS por Rogério Vidmantas

0 comentários:

Facebook

Anunciantes

Anunciantes

Panos da TMI

Panos da TMI

bones

bones

Link-me

120x60 px

Torcida Organizada Máfia Independente - TMI | Template by - Josué de Brito Quadros - 2009 - - hidden hit counter