kut

quinta-feira, 12 de maio de 2011

Corinthians/PR empresta lateral ao 7 de Dourados

Waldemar Gonçalves - Russo

A diretoria do 7 de Dourados por meio de seu atual presidente, o empresário Benjamim Barbosa, acertou neste início de semana a contratação do lateral esquerdo Wagner, de 22 anos.

De acordo com informações, o jogador que chegou ontem a noite a Dourados procedente de Curitiba, defendeu o Corinthians Paranaense (ex-J.Malucelli) no Campeonato Paranaense que foi conquistado antecipadamente pelo Coritiba Footbal Clube.

Wagner, segundo apurou a reportagem, veio cedido por empréstimo até o fim da participação da equipe douradense no Estadual/2011 e pelas suas condições físicas ideais poderá estrear contra o Ivinhema neste sábado à noite caso a sua documentação de transferência for regularizada junto a FFMS (Federal de Futebol de Mato Grosso do Sul) e na CBF (Confederação Brasileira de Futebol).

“Estamos correndo atrás para registrar o jogador para que possamos dar condições para que ele possa estrear ainda neste sábado, pois o Elói Kruger está necessitando com urgência de um lateral para atuar na ala esquerda devido às lesões dos que estavam atuando”, disse Benjamim Barbosa satisfeito com a nova contratação.

Benjamim Barbosa por sua vez lembra que a vinda do lateral somente foi possível após uma guerra travada por Elói Kruger com o grupo de empresários que administra a carreira dele.

“O Wagner tinha pelo menos cinco opções para dar seqüencia na sua carreira neste primeiro semestre, e graças ao empenho do nosso treinador junto aos seus empresários, ele optou em atender a nossa proposta. Isso é sinal de que estamos trabalhando com os pés no chão e com credibilidade lá fora”, resumiu o presidente.

Recepção

Com a confirmação de que o lateral havia aceitado a proposta em vir jogar no 7 de Dourados, ele desembarcou ontem à noite no aeroporto e foi recebido pelo técnico Elói Kruger; pelo presidente Benjamim Barbosa e por parte da torcida “Pavilhão 7” que em nome dela; da “Máfia Independente” e a mais jovem organizada do “tricolor douradense”, a “Super 7” e da torcida douradense, deram boas vindas ao atleta.

“Seja bem vindo Wagner e esperamos que tenha sucesso igual aos demais jogadores que já estão no plantel estão tendo. Você pode contar com o apoio das organizadas e da torcidas douradense que desde o início da competição vem dando apoio ao nosso clube”, disse Marlon Barbosa, um dos lideres da “Pavilhão 7” ao mais novo contratado da equipe.

Quem é

Ainda no aeroporto, Wagner Manso da Luz, natural de Paranaguá, 1,80 metros de altura, concedeu uma entrevista e narrou a sua carreira no futebol.

Wagner conta que começou ainda na categoria infantil no Paraná Clube, posteriormente já como juvenil foi emprestado para o Rio Branco de Paranaguá por ser sua terra natal e lá se profissionalizou depois de participar da Taça São Paulo de futebol júnior em 2007 pelo Iraty.

Com grandes atuações, Wagner conta que foi transferido para o Corinthians Paranaense depois de ter uma rápida passagem pelo futebol sul-coreano, porém teve de voltar ao Brasil por não ter se adaptado ao futebol daquele país.

“Eles tem muita correria e pouca técnica, mais acredito que dentro de poucos anos a Coréia do Sul estará com um futebol muito mais técnico e principalmente mais organizado profissionalmente. Acredito que eles em breve serão uma grande potencia no contexto do futebol mundial”, disse o lateral esquerdo à reportagem, acrescentando que já estaria à disposição do técnico para jogar.

“Estou em forma e sem nenhum problema de ordem física. Escolhi vir para Dourados porque entendo que a minha passagem por aqui será de muita utilidade para o meu currículo, além de sempre desejar conhecer e mostrar o meu futebol para os torcedores daqui. Tô feliz pela escolha assim como os empresários que cuidam de minha carreira”, disse o atleta.

Wagner após se apresentar ao técnico Elói Kruger e ao presidente Benjamim Barbosa no aeroporto, na manhã desta quarta-feira passou por exames médicos e em seguida treinou com seus novos companheiros pela manhã.

“Vim para fazer parte deste grupo e espero corresponder às expectativas que geraram em torno de minha contratação. Uma coisa é certa: Sou de trabalhar em grupo e espero poder contribuir com o meu trabalho com estes novos companheiros”, finalizou o jovem jogador antes de embarcar para o hotel para descansar.

Programação

Visando o jogo decisivo contra o Ivinhema na noite deste sábado, Elói Kruger por sua vez passou a programação que levara ele a montar a equipe que mandará a campo e para a suplência no “Douradão” pelo returno via 11ª rodada da competição.

Na tarde desta quarta-feira haverá um coletivo às 17 horas no “Douradão” após uma palestra sobre os erros e acertos cometidos pela equipe no jogo passado, quando perdeu por 3 a 1 para o Naviraiense e em seguida ministrará um trabalho com bola; correção de posicionamento e trabalho de ensaios com bola parada tanto no ataque como na defesa.

Amanhã o 7 de Dourados fará um trabalho técnico e tático pela manhã e às 16 horas mais um coletivo no “Douradão”, palco do confronto desta noite de sábado e na sexta-feira pela manhã um recreativo, e após o almoço concentração para o jogo.

Elói Kruger por sua vez adiantou que espera pela recuperação dos jogadores Michael, Wellington, Tasa e Josenildo que saiu lesionado no jogo em Naviraí com uma forte pancada em um dos tornozelos e pelo pleno condicionamento físico do meia Gilberto, que vem se recuperando de um longo período inativo em razão de uma cirurgia em um dos joelhos.

“Estamos com muitos problemas de ordem médica, mais espero até o momento do jogo contar com alguns destes atletas a disposição” finalizou o técnico solicitando para que a torcida douradense -sem bombas é claro- compareça no estádio para empurrar a sua equipe no difícil jogo da rodada deste final de semana.

0 comentários:

Facebook

Anunciantes

Anunciantes

Panos da TMI

Panos da TMI

bones

bones

Link-me

120x60 px

Torcida Organizada Máfia Independente - TMI | Template by - Josué de Brito Quadros - 2009 - - hidden hit counter