kut

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

Líder e quase classificado, técnico não quer Sete acomodado

Fonte: Assessoria

Elói quer jogadores concentrados na competição (Foto: Divulgação)

Três vitórias seguidas e muitos elogios vindo de torcida e imprensa graças à um futebol envolvente e com poucas falhas. Nove pontos e com um pé na classificação antecipada para a segunda fase da Copa MS de Futebol Junior, que garante ao campeão representar o Estado na Taça São Paulo de Futebol Junior em 2012. Tudo isso passa a ser preocupação para o técnico Eloi Kruger, do Sete de Dourados, que não quer acomodação do elenco devido a esses fatores.

Para evitar que isso ocorra, Elói fará mudanças no grupo, sem descaracterizar a forma de jogar do time. As possíveis alterações são para garantir que os jogadores permaneçam focados na busca pela primeira colocação do grupo que é fundamental para a fase seguinte da competição. “É necessário fazermos algumas permutas no grupo. Os jogadores sabem que apesar de apresentarmos um bom futebol nas três partidas, não há nada resolvido. Por isso não podemos pensar em acomodação. Eu preciso trabalhar pensando em não permitir que isso aconteça”, destacou o treinador.

A vitória sobre o Águia Negra por 2 a 1 de virada na tarde de sábado no Douradão era esperada e foi trabalhada pelo técnico com o grupo na semana da partida. “Treinei eles sabendo que isso poderia acontecer. Começamos com três ataques e fomos surpreendido por um contra-ataque deles que resultou em gol. E nos treinos trabalhamos com a intenção de inibir isso. E no intervalo da partida, conversei e passei aos jogadores autoconfiança e a equipe respondeu em campo virando o placar a nosso favor. Mas mesmo assim, vimos que ainda é necessário fazer pequenos ajustes. E a equipe só será completa com uma sequência de trabalho”, disse Eloi, que voltou a repetir que a competição é muito curta para dar ritmo ao clube.

O treinador também gostou do rendimento da equipe após as alterações que realizou. Para ele, Reginaldo ganhou mais mobilidade pela lateral indo com facilidade ao fundo. Porém, a entrada de Geovane, mesmo com um profundo corte no calcanhar o deixou preocupado. “Sabíamos que ele não poderia jogar os 90 minutos. O corte dele nos preocupou muito. Durante a semana não treinou. E era visível ele estar ofegante na partida. Agora vamos esperar a semana para avalia-lo melhor”, destacou Kruger.

Um alívio para Eloi é o fato de poder contar com alguns jogadores suplentes em caso de necessidade. Além disso, o ténico vai aproveitar a semana para avaliar os atletas que não jogaram contra o Águia Negra por lesão como é o caso dos zagueiros titulares Josué e Anderson.

Na próxima rodada, o Sete de Dourados enfrenta o Maracaju, no Estádio Loucão, domingo, às 15h.

0 comentários:

Facebook

Anunciantes

Anunciantes

Panos da TMI

Panos da TMI

bones

bones

Link-me

120x60 px

Torcida Organizada Máfia Independente - TMI | Template by - Josué de Brito Quadros - 2009 - - hidden hit counter