kut

quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

Supervisor do Sete diz que atletas estão prontos para o Estadual

Escrito por Redação Douranews
    Supervisor do Sete está bastante animado com temporada que se inicia em Dourados
    O ex-jogador de futebol profissional e hoje atuando como supervisor Cláudio Roberto de Oliveira, o Claudinho, de 39 anos, diz, em entrevista ao repórter Waldemar Gonçalves – Russo, que o novo plantel do Sete de Dourados terá muito “sangue nos olhos” e que a torcida douradense pode esperar por um grupo de guerreiros, onde a figura do líder não existe.

“Aqui não tem este ou aquele que será o craque. Isso fica para a imprensa, para os torcedores. Aqui somos um grupo, onde todo mundo será o destaque e não aquele ou esse. Essa história de estrela aqui pode ter certeza que não terá. Aqui somos uma família que veio para trabalhar, buscar conquistar os melhores resultados possíveis e porque não o titulo. O próprio Amarildo Carvalho é exemplo disso. O nosso técnico trabalha com muita aplicação técnica e tática em campo, mas fora dele é amigo de todo o grupo”, resumiu o supervisor geral da equipe. Como jogador, Claudinho passou por várias equipes do país até parar com a profissão em 2008 e morar em Naviraí onde ficou por três anos ajudando a formar os times do CEN (Clube Esportivo Naviraiense) para as temporadas passadas.

O supervidor disse ainda que deve muito ao futebol e que somente tem de agradecer às pessoas que sempre confiaram em seu trabalho tanto como jogador profissional quando atuava como zagueiro ou agora em sua nova função. “Por onde passei conquistei muitos amigos, claro que alguns inimigos também (rindo), mas isso faz parte. Só tenho que agradecer aquelas pessoas que sempre confiaram em meu trabalho. Embora hoje esteja trabalhando no Sete de Dourados, espero ter o mesmo sucesso aqui como tive no Naviraiense. Trabalhar em Dourados é o sonho não só meu, mas de muitos que militam no futebol profissional. Muito embora em Naviraí tenha inúmeros amigos, espero ter o mesmo sucesso aqui”, disse o supervisor.

Segundo Claudinho, a torcida pode esperar por uma equipe forte e que honrará a camisa douradense ao longo da competição que vai iniciar no dia 12 de fevereiro contra o Ivinhema no estádio Douradão com transmissão ao vivo pela TV Morena para todo o Estado. “Nossa chave é muito forte. Temos que fazer resultados em casa e beliscar outros fora de nossos domínios. Respeitamos todos os nossos adversários, mas eu acredito muito no trabalho do professor (Amarildo Carvalho); dos nossos preparadores físicos e de goleiros (Everton Paulista e Zé Luiz) respectivamente e principalmente destes guerreiros que aqui chegaram para se juntar com os nossos dez pratas da casa. Uma coisa é certa, vontade de vencer é o que não vai faltar. Isso vocês da imprensa, os dirigentes, em especial o Benjamim Barbosa que apostou em nós e principalmente a torcida já poderão perceber no primeiro jogo”, finalizou.

Trajetória

Como jogador, Claudinho começou a carreira no profissional no Rio Branco de Americana, de São Paulo em 91 onde ficou até 92 e depois em 93 veio para o Comercial de Campo Grande onde foi bi-campeão (1993/94).

Em 94 o zagueiro ainda atuando pelo Comercial ficou em 5º lugar na Copa do Brasil, posição esta que até hoje nenhuma equipe do Mato Grosso do Sul conseguiu chegar.

Em 95 veio para o Ubiratan de Dourados e em 99 no “Leão da Fronteira” enfrentou o Corinthians Paulista pela Copa do Brasil.

Depois, Claudinho foi para Santa Catarina onde jogou três anos pelo Marcilio Dias, sendo campeão em 99 na 2ª divisão catarinense e vice da 1ª divisão em 2000.

Após passar pelo sul do país, o novo supervisor do Sete foi jogar no União Rondonópolis onde ficou de 2001 a 2002 e em 2003 voltou ao Comercial de Campo Grande, posteriormente foi para o CENE (Centro Esportivo Nova Esperança) onde foi bi-campeão e em 2003 conquistou junto com Amarildo Carvalho o titulo de campeão estadual pelo Coxim Ele encerrou a carreira em 2007 como campeão da 2ª divisão pelo Naviraiense.

0 comentários:

Facebook

Anunciantes

Anunciantes

Panos da TMI

Panos da TMI

bones

bones

Link-me

120x60 px

Torcida Organizada Máfia Independente - TMI | Template by - Josué de Brito Quadros - 2009 - - hidden hit counter